Colostomia – Quais as complicações?

Categoria(s): Cuidados preventivos


Esclarecimentos

A colostomia, ou os estomas de uma maneira geral devem ser extremamente bem cuidados para impedir o surgimento de complicações que possam levar a “perda” do seu funcionamento e risco de vida.

Quais as complicações no local da colostomia?

  • As complicações locais podem ocorrer tanto no pós-operatório imediato, precoce ou tardio, apresentando incidência variável de 15 a 30%, sendo as mais freqüentes: a necrose da colostomia, dermatite, abscesso, hemorragia, retração, estenose, hérnia para-ostômica, prolapso, fistula colo-cutânea, perfuração para a cavidade peritoneal e mais raramente o surgimento de neoplasia.

Quais são as complicações ditas precoces, ou seja que aparecem logo após a realização cirúrgica do estoma?

  • As complicações precoces do estoma são: sangramento, inchaço, isquemia, retração, descolamento muco-cutâneo.

Por que ocorre sangramento?

  • O sangramento pode ocorrer nas primeiras horas após a confecção cirúrgica do estoma, e é originário de pequena veias do mesentério ou da parede abdominal. Este tipo de complicação não causa grandes problemas na o estoma. Se o paciente não tem distúrbio na coagulação da sangue o sangramento parará expontaneamente. O importante é não se alarmar e comunicar-se com o médico que realizou a cirurgia. A colocação de compressas geladas pode não ser uma boa decisão pois pode ferir o estoma.

Por que pode ocorrer inchaço do estoma?

  • O inchaço (edema) do estoma se deve a infiltração de líquido nos tecidos próximos ao estoma e mobilização da alça intestinal. Este tipo de complicação desaparecerá expontaneamente após algumas horas. Não deve ficar preocupado a respeito. Comunique com seu médico a respeito.

Por que ocorre isquemia do estoma?

  • O estoma normal tem coloração vermelho brilhante, com a isquemia o estoma fica pálido e descorado. Isso se deve a deficiência da circulação sanguínea do estoma (parte da alça intestinal exteriorizada). Este achado pode ser uma emergência médica. Procure médico que realizou a cirurgia o mais breve possível.

O que é retração do estoma?

  • Retração do estoma é a penetração, total ou parcial, da alça intestinal na cavidade abdominal. Esta complicação requer avaliação médica e pode haver necessidade de reposicionar cirurgicamente o estoma.

O que é o descolamento muco-cutâneo?

  • O descolamento muco-cutâneo é a ruptura da linha de sutura entre o estoma e a parede abdominal. Essa complicação deve ser avaliada pelo médico que realizou a estomia.

Quais são as complicações tardias?

  • As complicações tardias da colostomia são: dermatite, estenose, hérnia e prolapso.

Por que pode ocorrer dermatite?

  • A dermatite (irritação da pele ao redor do estoma) é causada pelo contato da pele com o fluído intestinal. Isto se deve a colocação errada da bolsa coletora deixando a pele sem proteção. A sua prevenção depende de uma boa higienização da pele com sabão neutro e perfeita colocação da bolsa de colostomia. O tratamento é a base de pomadas protetoras e cicatrizantes.

O que é estenose do estoma?

  • A estenose do estoma é a dimininuição do orifício externo do estoma. A correção desta complicação é feita pelo médico e poderá necessitar de tratamento cirúrgico.

Por que pode ocorre hérnia do estoma e como podemos diagnosticar?

  • A hernia é a saída de vísceras pelo trajeto do estoma, formando um abaulamento em torno do estoma. Esta complicação constitui uma emergência médica e o colostomizado deve consultar o médico que o está acompanhando o mais breve possível.

O que é prolapso do estoma?

  • Prolapso é a saída parcial ou total da alça intestinal pelo estoma. O tratamento de reposicionamento da alça intestinal poderá ser feito pelo profissional habilitado em colostomia (estomaterapeuta), porém a consulta ao médico que acompanha o caso deve ser o mais breve possível

Tags: , ,


Veja Também:

Comentários     Envio por Email Envio por Email


Colostomia – Como agir socialmente?

Categoria(s): Cuidados preventivos


Esclarecimentos

O planejamento da assistência ao colostomizado/ileostomizado não requer somente cuidados físicos ou ensinar-se ao paciente os cuidados de higiene e troca de bolsas de colostomia.  Requer ainda a retomada do ensino pré-operatório para o autocuidado, envolvendo paciente/família, visando à reabilitação e ao encaminhamento ao Programa de Ostomizados, que é mantido pelo serviço público, para aquisição dos dispositivos e seguimento ambulatorial.

Veja informações sobre colostomia no site da Associação Brasileira de Estomoterapia – http://www.sobest.org.br/ [on line]

Quando o colostomizado pode voltar as suas atividades normais?

  • O retorno ao trabalho ou suas atividades normais depende do tipo de cirurgia realizada. O período de afastamento do trabalho é determinado pelo médico. Quando retornar ao trabalho lembrar sempre de levar equipamento para troca de emergência.

O colostomizado deve usar roupas especiais?

  • Não. Após a cirurgia muitas pessoas se preocupam com a possibilidade de que a bolsa seja notada por baixo da roupa. O fato é que as bolsas são finas e ficam bem ajustadas ao corpo. Ao escolher roupas deve-se tomar cuidado para que elas não façam pressão sobre o estoma. Porém use as roupas que estava habituado. Haja naturalmente como se não tivesse a bolsa de colostomia.

O que o colostomizado deve fazer quando sair de casa?

  • O ideal é programar a saida de casa após a troca da bolsa de colostomia ou da irrigação da colostomia. Mesmo assim, é bom levar um material para troca: lenços ou pano limpo, placa, bolsa e grampo. O ideal é levar a placa já cortada para facilitar possível troca.

Tags:


Veja Também:

Comentários     Envio por Email Envio por Email


Colostomia – A prática de esportes é permitida?

Categoria(s): Atividade física, Cuidados preventivos, Distúrbios digestivos


O colostomizado pode praticar esportes?

  • Sim. É importante destacar que cada pessoa recupera-se de forma diferente, então o retorno a prática esportiva dependerá da cicatrização. As restrições ao esporte não são muitas, porém esportes de contato devem ser evitados pelo risco de agressão ao estoma. Além disso, o levantamento de peso excessivo também deve ser evitado para prevenção de hérnias. Os exercícios devem ser moderados e de curta duração.

Quais os cuidados com a colostomia antes da prática esportiva?

  • Durante a prática esportiva é recomendável a utilização de um cinto ou cinta para manter a bolsa mais segura.

O colostomizado pode praticar natação?

  • Sim. a prática da natação, assim como, hidroginática pode ser feita sem nenhuma restrição, pois a bolsa e a placa são impermeáveis à água. Antes de nadar deve-se esvaziar a bolsa. Durante a prática da natação é recomendável a utilização de um cinto ou cinta para manter a bolsa mais segura. As mulheres devem usar um maio peça única e para os homens uma camiseta para evitar olhares e comentários a respeito da bolsa de colostomia. Estanhos não devem saber sobre a sua condição física, pois isto só diz respeito ao paciente e os profissionais que estão cuidando da sua saúde.

Tags:


Veja Também:

Comentários     Envio por Email Envio por Email


Page 5 of 11« First...34567...10...Last »