Vitamina B3 – Propriedades

Categoria(s): Terapia antioxidante


Terapia antioxidante


As funções medicinais desta vitamina são extensas. É auxiliar no tratamento do colesterol, aumentando o colesterol “bom”, HDL, e diminuindo os níveis de triglicérides, LDL e colesterol total. Possui propriedades ansiolíticas e também atenua os sintomas da depressão. Ainda tratando de distúrbios neurológicos, é comprovado seu efeito benéfico para alguns tipos de esquizofrenia. Carnes magras, fígado, amendoim e levedo são fontes naturais desta vitamina.

Tags: , , , , ,


Veja Também:

Comentários     Envio por Email Envio por Email


Ácidos graxos trans – O que são?

Categoria(s): Cuidados alimentares, Distúrbios cardiocirculatórios


Dicionário

Os ácidos graxos trans presente na gordura vegetal hidrogenada, nos biscoitos e bolachas com recheios e coberturas cremosas, assume papel importante, uma vez que interferem no metabolismo dos ácidos graxos essenciais, possuem propriedades físicas, químicas e metabólicas comparáveis às dos ácidos graxos saturados, e diminuem os níveis de HDL-Colesterol (colesterol bom) e aumento o LDL-Colesterol (colesterol ruim).

Tags: , ,


Veja Também:

Comentários     Envio por Email Envio por Email


Colesterol alto e HDL.colesterol baixo – O que fazer?

Categoria(s): Atuação Preventiva, Distúrbios cardiocirculatórios, Distúrbios metabólicos, Programas de saúde


Tratamento

O HDL-colesterol baixo (menor que 40 mg/dl) deve ser indicado controle do peso, programa de exercícios aeróbicos, assim como é aconselhável descontinuação do tabagismo e do uso de beta-bloqueador. A utilização de ácido nicotínico e dos fibratos (gemfibrozil e fenofibrato) ajuda no tratamento do HDL-colesterol baixo.

Ácido nicotínico ou niacina é uma das vitaminas do complexo B (vitamina B3) modifica o perfil lipídico, provocando aumento considerável do HDL-colesterol e reduzindo a Lipoproteína a -Lp(a). A ação primária da niacina é a inibição da lipólise do tecido adiposo e recentemente foi identificado seu receptor específico (HM74A). Além disso, foi descrito que a ativação deste receptor aumenta a atividade de receptores nucleares PPAR* e, consequentemente, influenciam o metabolismo lipídico e vários processos celulares. Os fenofibratos têm ação estimulante dos receptores PPAR alfa – Peroxisome Proliferator-Activated Receptor.

Tags: , , , , ,


Veja Também:

Comentários     Envio por Email Envio por Email


Page 1 of 212