Suplemento Alimentar – BENEFÍCIOS DO MAGNÉSIO

Categoria(s): Alimentos funcionais, Atuação Preventiva, Cuidados alimentares


Suplemento Alimentar – BENEFÍCIOS DO MAGNÉSIO

 

O magnésio tem inumeráveis propriedades que o convertem em um componente essencial para o organismo.

Envelhecimento– o magnésio é essencial para a absorção de cálcio e vitamina C, bem como para auxilia no metabolismo do fósforo, sódio e potássio. A deficiência acelera o envelhecimento das células.

Diabetes – o magnésio converte glicose do sangue em energia. Sua deficiência está relacionada ao aumento da resistência periférica à ação da insulina, o que compromete o metabolismo da glicose.

Doenças Cardiovasculares – para gerar sinais elétricos, as células precisam de minerais como fósforo, cálcio, potássio e magnésio. A deficiência de um deles aumenta o risco dos batimentos ficarem irregulares.

Pressão Arterial – atua inibindo a agregação plaquetária e promovendo relaxamento dos vasos sanguíneos, o que facilita o controle da pressão arterial.

Contração Muscular – o magnésio age junto com o cálcio para manter o bom funcionamento dos músculos (o cálcio estimula a contração e o magnésio relaxa), tanto os músculos esqueléticos como os lisos, em todas as partes do nosso corpo.

Formação Óssea – essencial para o crescimento e bom desenvolvimento ósseo, a deficiência deste nutriente é encontrada com frequência em indivíduos com osteoporose.

Atividade de Enzimas e Cátions – o magnésio é necessário para o funcionamento de enzimas essenciais (todas as que necessitam da vitamina B1), contribui para o equilíbrio do cálcio, potássio e sódio, auxiliando no funcionamento celular.

Desempenho Neuronal – auxilia na transmissão dos impulsos nervosos, melhorando o desempenho e vitalidade do cérebro. Previne a falta de memória e o declínio cognitivo, causados pela idade.

Tags: , , ,


Veja Também:

Comentários     Envio por Email Envio por Email


Suplemento Alimentar – O PAPEL DO MAGNÉSIO

Categoria(s): Alimentos funcionais, Atuação Preventiva, Cuidados alimentares


Suplemento Alimentar – O PAPEL DO MAGNÉSIO

 

AlimentosO magnésio é um mineral essencial para o organismo. Pode ser encontrado na carne, castanha de caju, amêndoas, amendoim, feijão, lentilha, ervilha, espinafre, grãos integrais, leite, limão, leite, queijo, maçã, figo e milho.

O magnésio auxilia a produção e transporte de energia, contração e relaxamento dos músculos, síntese de proteínas, prevenção do diabetes, fortalecimento dos ossos, antienvelhecimento e prevenção de infecções.

A deficiência de magnésio pode ocasionar tremor, fadiga, depressão, insônia, espasmo muscular, insuficiência cardíaca, taquicardia, arritmia, hipocalemia associada à hipocalcemia, anorexia, náuseas e vômitos (COZZOLINO, 2005).

O excesso de magnésio pode causar problemas respiratórios, fraqueza muscular, distúrbios no ritmo cardíaco, hipotensão e inibição da calcificação óssea.

Referência:

Cozzolino  SMF. (2005) Biodisponibilidade de Nutrientes. Barueri: Ed Manole, 22, p. 459.

 

Tags: , , ,


Veja Também:

Comentários     Envio por Email Envio por Email


Fósforo – Qual seu papel no organismo?

Categoria(s): Terapia antioxidante


Terapia antioxidante

Característica do íon fósforo

O fósforo está  presente em todas as células do organismo, e envolvido em praticamente todas as reações químicas fisiológicas.
O fósforo é necessário para uma boa estrutura óssea e dentes normais, porém o cálcio e o fósforo devem estar bem equilibrados, na razão de dois por um (o dobro de cálcio) para que ambos funcionem perfeitamente

Terapia : Indicação, apresentação e dosagem:
– a farinha de osso é uma ótima fonte natural de fósforo. (verifique se foi adicionada vitamina D para favorecer sua absorção e se ela não contém chumbo).
– dose recomendada para adultos: 300 à 1200mg. Sendo a mais alta para mulheres grávidas e em período de amamentação.

Fontes naturais – Frutas cítricas, melão, tomate, agrião, todas as verduras, folhas de hortelã, sementes de girassol, banana, batata, peixes, aves, carnes, grãos integrais, ovos e nozes.

Inimigos do fósforo – ferro em excesso, alumínio e magnésio podem tirar a eficácia do fósforo.

Orientações higieno-dietéticas:

Quando a pessoa ingere fósforo em demasia, o equilíbrio mineral é comprometido e as reservas de cálcio é reduzido. Nossas dietas são geralmente ricas em fósforo porque ele está presente em quase todos os alimentos naturais. É por esta razão que carências de cálcio são freqüentes. Previna-se em relação a este fato alimentando-se de acordo com suas necessidades.

Dicas – Se você já passou dos 40, deve diminuir o seu consumo semanal de carne, comer mais verduras e tomar leite, já que depois dessa idade os rins não ajudam eliminar o excesso de fósforo, o que também contribui para esgotar o cálcio. Deve-se saber quais os alimentos em que o fosfato foi usado como conservante e levar isso em conta quando for avaliar sua ingestão de fósforo.

Tags: , ,


Veja Também:

Comentários     Envio por Email Envio por Email


Page 1 of 212