Rinite alérgica – Como é feito o diagnóstico?

Categoria(s): Distúrbios imunológicos, Distúrbios Inflamatórios, Distúrbios respiratórios


Rinite alérgica


Como é feito o diagnóstico

rinite

Citologia da mucosa  nasal

Diante da suspeita clínica de rinite alérgica um bom exame para confirmar o diagnóstico é a citologia do material colhido da mucosa nasal, pelo médico otorrinolaringologista. A presença de eosinófilos em grande quantidade na lâmina obtida de esfregaço de material nasal permite o diagnóstico de rinite alérgica. Por outro lado, a presença de células inflamatórias, principalmente neutrófilos, fala a favor de infecção bacteriana que pode estar agravando o quadro.

Avaliação sérica

A pesquisa de imunoglobulina E – IgE no plasma, contagem de eosinófilos no sangue periférico, dosagens hormonais da tireóide, dosagem dos níveis de estrogenios servem para indicar a causa da rinite alérgica.

Rinoscopia

A visão direta da mucosa nasal realizada por médico otorrinolaringologista, denominada rinoscopia, permite a visualização do estado da mucosa nasal e dos cornetos nasais, confirmando o diagnóstico e avaliando o grau de lesão causado pela alergia.

Teste cutâneos

Os testes cutâneos com os diversos alergenos permite selecionar  e esclarecer qual é o agente causador da alergia, permitindo a confecção de vacinas que protegem e desensibilizam o paciente.

Tags: ,


Veja Também:

Comments (7)     Envio por Email Envio por Email